sábado, 2 de fevereiro de 2013

Meme: Campanha e Livros que marcaram

  Olá galera, fui tagueado mais uma vez, dessa vez é uma campanha de incentivo a leitura e eu gostei muito de ser indicado.    
        



Regras do Meme: 
 *Responder a pergunta: 'Qual livro você indicaria para uma pessoa começar a ler?'. 
 * Indicar 10 blogs para fazer o meme - é expressamente proibido oferecer o laço 'a quem quiser pegar' sem indicar seus blogs primeiro. Ou seja, é somente por indicação. * Avisar os blogs que você indicou e colocar a imagem no seu blog para apoiar a campanha!

 
1º: De quem você recebeu a tag?  Recebi da Estrambotices  (:
2º: O que é, afinal? 
Um campanha cultural de incentivo à leitura,na qual devo indicar um livro para os leitores e marcar blogs para formar um laço e nos conhecermos melhor.
3º: Alguma observação? 
Quero agradecer o blog que me tagueou. Fiquei bastante feliz.
 

10 Blogs Marcados: 


1-http://apoesiaadolescente.blogspot.com
2- http://wordinmybag.blogspot.com.br/
3- http://www.mundopos.blogspot.com.br/
4- http://www.livrospuradiversao.blogspot.com.br/
5- http://mezenciobooks.blogspot.com.br/
6- http://contodeumlivro.blogspot.com.br/
7- http://balaiodelivros.blogspot.com.br/
8- http://manolasleitoras.blogspot.com.br/
9- http://lereconhecer.blogspot.com.br/
10- http://resenhaecultura.blogspot.com/


OBS:Não sei se todos esses blogs aceitam tags e selinhos,então se seu blog estiver na lista e você não curte aceitar selinhos,pode ignorar. Entendo de boa. ((:

Agora minha indicação literária:
Irei indicar dois livros, ambos são ótimos e marcaram muito na minha vida. Espero que gostem.


 
Muito tempo atrás, não se sabia que o amor é a pior de todas as doenças. Uma vez instalado na corrente sanguínea, não há como contê-lo. Agora a realidade é outra. A ciência já é capaz de erradicá-lo, e o governo obriga que todos os cidadãos sejam curados ao completar dezoito anos. Lena Haloway está entre os jovens que esperam ansiosamente esse dia. Viver sem a doença é viver sem dor: sem arrebatamento, sem euforia, com tranquilidade e segurança. (...) Lena tem plena confiança de que as imposições das autoridades, como a intervenção cirúrgica, o toque de recolher e as patrulhas-surpresa pela cidade, existem para proteger as pessoas. Faltando apenas algumas semanas para o tratamento, porém, o impensado acontece: Lena se apaixona. Os sintomas são bastante conhecidos, não há como se enganar — mas, depois de experimentá-los, ela ainda escolheria a cura?.

 

Claire, de 15 anos, e sua mãe têm uma rotina muito atribulada. Nos raros momentos em que a mãe está em casa (ela é obstetra), a filha está na escola, com amigos ou com o namorado. Resultado: as duas quase não se veem e se comunicam deixando recados na porta da geladeira. Esses recados vão desde cobranças banais [Oi, MÃE! (Que eu NUNCA MAIS vi!)] até revelações tocantes e contundentes por parte de mãe e filha durante o penoso tratamento do câncer de mama da mãe, num ano que se revelará decisivo para as duas. Em seu romance de estreia, Kuipers capta a ansiedade por trás da tragédia e revela a importância de viver a vida intensamente, lembrando ao leitor a necessidade de encontrarmos tempo para as pessoas que amamos mesmo em momentos de dificuldade e desafios.




6 comentários:

Brubs. disse...

Obrigada pela indicação...mas eu já fim esse meme.
Tenho Delírio e não ainda...que bom saber que vc gostou e ta indicando.
Beijos
Brubs
Livros de Cabeceira

Delírio Literário disse...

Ahh tudo bem. Obrigado você;

Rafa Oliveira disse...

Já recebi esse meme, dizem que esse livro é muito bom :)

Rafa
Blog Melody
http://rafaacarvalho.blogspot.com.br/

Delírio Literário disse...

ok (:

Jéssica disse...

Oi obrigada! Já postei o meme lá no blog dá uma olhada! http://manolasleitoras.blogspot.com.br/

Delírio Literário disse...

De nada :D

Postar um comentário